Eco-amp: um acessório para o presente inspirado no passado

E se lhe dissermos que o acessório do momento é feito de cartão reciclado? E que, para além disso, até o pode fazer em casa?O Eco-amp, lançado pela startup americana eco-made, é nada mais nada menos que um amplificador para iPhone, à semelhança de tantos outros no mercado. A principal diferença está no preço: em vez de custar dezenas euros, o amplificar ecológico tem um preço a rondar os sete euros. Para além do preço mais acessível o Eco-amp até pode ser feito em casa.

A ideia é tão simples quanto louvável e nasceu da vontade de reduzir o impacto ambiental do iPhone. Os custos ambientais dos dispositivos móveis é uma questão que vem sendo discutida há anos. Basta lembrar as filas imensas que se formam sempre à porta das lojas da Apple ou Samsung aquando da chegada de um novo modelo, o que por sua vez  é sinónimo de milhares de modelos antigos que acabam em lixeiras de todo o mundo.

O Eco-amp é um pedaço de cartão reciclado que se dobra para ficar com uma forma semelhante a um gramofone e que em menos de dois minutos está pronto para ser utilizado com o iPhone. Outra das vantagens que se associam ao preço e sustentabilidade, é a sua portabilidade já que pode ser facilmente desdobrado e guardado na mala, acarretando um peso extra quase inexistente.

O único obstáculo que se coloca à empresa eco-made é que sendo um objeto tão simples, qualquer pessoa o pode recriar em casa. Resta à startup contar com a preguiça e a falta de perícia manual dos amantes da Apple – mas quanto à boa publicidade, essa, já ninguém lha tira.

2 thoughts on “Eco-amp: um acessório para o presente inspirado no passado

  1. Pingback: Eco-amp um acessório para o presente inspirado no passado |

  2. Pingback: Sounder: um amplificador para iPhone sem baterias, fios, nem árvores abatidas

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>