Combustíveis com novos aumentos

Devido à variação das cotações médias nos mercados internacionais, fonte do setor adiantou que é possível antever uma subida, entre dois e três cêntimos, nos preços dos combustíveis.

Com este novo aumento no preço por litro, o gasóleo atingirá, a partir da próxima segunda-feira o máximo histórico, ultrapassando a barreira dos 1,50 euros. Refira-se que em Março do corrente ano, o gasóleo fixou o valor máximo de 1,4825 euros por litro.

No que diz respeito ao valor da gasolina, esta regista uma distância de cerca de quatro cêntimos do máximo histórico de 1,738 euros por litro, registado em Abril de 2012.

Segundo a informação disponibilizada pela Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG), o valor médio do gasóleo é de 1,474 euros por litro, enquanto que a gasolina 95 custa, em média 1,679 euros por litro. Note-se que os valores apresentados têm por base os preços praticados nos 2.598 postos de abastecimento em Portugal continental.

Este novo aumento no preço do petróleo, deve-se à diminuição generalizada dos ‘stocks’ de crude e dos produtos refinados, como é o caso da gasolina, nos Estados Unidos da América e com o aumento das tensões no Médio Oriente, como é o caso dos conflitos na Síria. Como se não bastasse, a desvalorização do euro face ao dólar, e a especulação sobre a adoção de medidas de estímulo á economia nos Estados Unidos da América, na Europa e na China, podendo gerar um aumento do consumo, são fatores que penalizam o preço dos combustíveis. Note-se que o valor do petróleo atingiu, esta semana o valor mais elevado desde á três meses.

2 thoughts on “Combustíveis com novos aumentos

  1. Não abasteçam nas grandes gasolineiras

    O aumento dos combustíveis tem impacto de uma forma geral no custo de vida. O custo dos impostos sobre combustíveis, representa mais de metade do preço efetivo dos combustíveis ou seja, esse valor é “roubado” pelo estado. Por outro lado as grandes petrolíferas, GALP, BP, REPSOL, TOTAL, etc vão jogando com os preços entre elas. Estamos a tratar de colocar uma petição exigindo a redução da carga fiscal por um lado, mas por outro, terá de ser o povo a se unir e a abastecer apenas nas gasolineiras adectas às cadeias de supermercados Jumbo, Pingo Doce, etc. Apenas assim poderemos penalizar as grandes gasolineiras obrigando-as a baixar os preços. Vamos todos unidos,fazer ouvir as nossas vozes

  2. Pingback: Gasóleo bate novo máximo histórico a partir da próxima semana

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>