Fogo posto em elevador mata três pessoas em Queluz

bombeiros

O autor do crime já se confessou. (Imagem do Público)

Três pessoas morreram esta manha num prédio em Queluz vítimas de um incêndio. O fogo teve mão criminosa e o suspeito já se entregou à PSP. Uma mãe, uma filha e um segurança que as acompanhava perderam a vida. O alegado homicida entregou-se na esquadra de Mira, na Amadora.

Os bombeiros chegaram ao local pouco depois das sete manhã após uma chamada devido a um incêndio no elevador de um prédio na Rua de Timor, em Queluz. O comandante da corporação de Queluz, Luís Santos, afirma que os três cadáveres foram encontrados dentro do elevador já após do incêndio ter sido extinto e serão, alegadamente, familiares do indivíduo que apresentou na esquadra.

A SIC Notícias avança que existiam desavenças antigas, provavelmente relacionadas com heranças e negócios familiares e que o autor confesso do crime terá fechado as vítimas no elevador para depois provocar o incêndio utilizando um engenho explosivo. O alegado homicida era cunhado e tio das duas mulheres que estavam no elevador. Já o segurança terá sido contratado por estas.

O Público noticia que as vítimas são uma mulher com 60 a 70 anos, a filha de 34 anos e um segurança de 24 anos, que as acompanhava.

No local do incêndio, e do possível crime, estiveram dez bombeiros e quatro viaturas (duas delas ambulâncias). A Polícia Judiciária já se encontra no local acompanhada de uma equipa do INEM que irá prestar apoio psicológico a familiares das vítimas.

One thought on “Fogo posto em elevador mata três pessoas em Queluz

  1. Pingback: Queluz: mulher assassinada era ameaçada há dois anos – TVI24 « Contacto Latino News

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>