Homem de 39 anos morto após discussão com familiar

Entre janeiro e abril de 2012 registaram-se 39 crimes de sangue.

Um homem de 39 anos, foi assassinado no passado domingo, com recurso a uma arma de fogo, depois de uma acessa discussão entre o criminoso, genro da vítima e a sua ex-mulher.

Segundo informações divulgadas esta segunda-feira pela GNR a vítima terá estado em casa do homicida, em Mondão, Viseu, por volta das 23h de domingo, onde se desenrolou o conflito familiar, acabando por gerar um homicídio, explicou fonte da GNR.

“Presume-se que o homicídio tenha ocorrido durante uma discussão familiar, entre o homicida e a ex-esposa“, apontou ainda fonte da guarda, conforme se lê na edição online do jornal i.A Polícia Judiciária de Coimbra já iniciou as investigações.

Note-se que o número de homicídios em Portugal tem vindo a aumentar de uma forma alarmante. Só nos primeiros quatro meses do ano registou-se uma subida superior a 50 por cento. A Polícia Judiciária registou no primeiro semestre de 2012, 106 assassinatos.

Segundo informações divulgadas pelo secretário-geral de Segurança Interna, e pelo Diário de Noticias, a cada três dias, é cometido um homicídio no nosso país. Assim , são assassinadas, em média 10 pessoas por mês. Entre janeiro e abril de 2012, registaram-se 39 crimes de sangue, ou seja, mais 14 comparativamente com período homologo. Os crimes cometidos com recurso a armas de fogo são os mais recorrentes, seguindo-se o esfaqueamento.

 

Deixe aqui o seu comentario

Loading Facebook Comments ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

No Trackbacks.